2 de outubro de 2010

Hoje ao acordar dirigi-me à janela

Hoje ao acordar dirigi-me à janela para olhar o céu. Estava frio, mas o sol brilhava intensamente.
Percebi que é exactamente assim que me sinto. Apesar de viver numa sociedade fria e desumana, a esperança num futuro melhor aquece-me o coração.

4 comentários:

Bel Rech disse...

Hoje quando acordei também senti o mesmo sentimento...mas percebi que nós também podemos mudar, não toda a sociedades, mas aqueles que estão perto de nós...e isso já um grande começo!!!

CatJG disse...

e temos todos de pensar assim, senao que será de nós?!

beijinho

Ana25 disse...

Poema c/ muito sentimento. Adoro.
http://confessionsofbrokenheartedgirl.blogspot.com

Uma eterna romântica. disse...

Lindo adorei!