26 de janeiro de 2011

Decidi


Quero desaparecer.
Não suporto ter-te mais por perto.
O encanto foi-se como as folhas ao vento, lentamente, uma por uma, até não restar mais nenhuma nos ramos da árvore.
Eu sinto-me como uma árvore despida. A vergonha e a revolta tomaram conta do meu corpo e da minha alma. As almofadas já não me confortam. A televisão e o computador entediam-me.
Mas não te quero mais ao pé de mim. Não há volta atrás. Mesmo que isso implique definhar.
No entanto, hei-de florescer outra vez.

9 comentários:

Bel Rech disse...

Linda poesia...desnuda a alma!!!

ALFA disse...

Adorei... parece um pouco com o sentimento que sinto por uma garota!
parabéns belas palavras...

carla silva disse...

oi tudo bem gostei muito do seu blog.se for possivel da uma olhada no meu e vira meu seguidor desde ja agradeco bjs..
http://tristenaescuridao.blogspot.com/
carla silva

Ana25 disse...

Poema mto lindo. Adoro :D
http://confessionsofbrokenheartedgirl.blogspot.com

Ana25 disse...

Bonito texto.
História de um romance acabado veridica no meu blog, por favor visitem e deixem vosso comentario ;)
http://confessionsofbrokenheartedgirl.blogspot.com/

Mario disse...

http://amorextremo1.blogspot.com/

mario

Daphne Garcez disse...

Adorável! ;)

LEIRIANE disse...

ADOREI a postagem...
muito lindo!
estou seguindo seu blog..
siga o meu tbem!
http://www.leirianesilva.blogspot.com/
obrigada.
fica com DEUS.

Amiga14 disse...

Amo-te
Amo-te, dei-te os meus pensamentos.
Queria dar-te o meu coração
Mostrei todos os meus sentimentos
Queria sentir o toque da tua mao.
AMO_TE D+